Liturgia Diária‎ > ‎

Liturgia Diária 14 de junho

 
 
Pascom
Pascom
 Youtube
Paróquia
https://www.facebook.com/terco.d.homens
Terço dos
Homens
Google+
Paróquia 

Pascom 
Pinterest
Paróquia
Terço dos Homens
Terço dos
Homens 
   

Curta Nosso Site.

Inicial Santo do Dia Palavra do Pastor



Dia 14 de Junho 2020 - Domingo
XI DOMINGO DO TEMPO COMUM 
(Verde, Glória, Creio - III Semana do Saltério)


Antífona de Entrada

Ouvi, Senhor, a voz do meu apelo: tende compaixão de mim e atendei-me; vós sois meu protetor: não me deixeis; não me abandoneis, ó Deus, meu salvador! (Sl 26,7.9)


Oração do dia

Ó Deus, força daqueles que esperam em vós, sede favorável ao nosso apelo e, como nada podemos em nossa fraqueza, dai-nos sempre o socorro da vossa graça, para que possamos querer e agir conforme vossa vontade, seguindo os vossos mandamentos. Por Nosso Senhor Jesus Cristo, Vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.


Leitura (Êxodo 19,2-6)

Leitura do livro do Êxodo.
Naqueles dias, os israelitas, 19 2 Partindo de Rafidim, chegaram ao deserto do Sinai, onde acamparam. Israel acampou 
ali, diante da montanha, 3 enquanto Moisés subiu ao encontro de Deus. O Senhor o chamou do alto da montanha e disse: “Assim deverás falar à casa de Jacó e anunciar aos israelitas:
4 Vistes o que fiz aos egípcios,e como vos levei sobre asas de águia e vos trouxe a mim.
5 Agora, se realmente ouvirdes minha voz e guardardes a minha aliança, sereis para mim a porção escolhida entre 
todos os povos.
Na realidade é minha toda a terra, 6 mas vós sereis para mim um reino de sacerdotes e uma nação santa. 
São essas as palavras que deverás dizer
aos israelitas”.

Palavra do Senhor.


Salmo Responsorial 99/100

Nós somos o povo e rebanho do Senhor.
 
Aclamai o Senhor, ó terra inteira,
servi ao Senhor com alegria,
Ide a ele, cantando jubilosos!
 
Sabei que o Senhor, só ele, é Deus,
ele mesmo nos fez, e somos seus,
Nós somos seu povo e seu rebanho.
 
Sim, é bom o Senhor e nosso Deus,
sua bondade perdura para sempre,
Seu amor é fiel eternamente!


Leitura (Romanos 5,6-11)

Leitura da carta de são Paulo aos Romanos.
5 6 Com efeito, quando éramos ainda fracos, foi então, no devido tempo, que Cristo morreu pelos ímpios. 
7 Dificilmente alguém morrerá por um justo; por uma pessoa muito boa, talvez alguém se anime a morrer. 
8 Pois bem, a prova de que Deus nos ama é que Cristo morreu por nós, quando éramos ainda pecadores. 
9 Muito mais agora que já estamos justificados pelo sangue de Cristo, seremos salvos da ira, por ele. 
10 Se, quando éramos inimigos de Deus, fomos reconcilia­dos com ele pela morte de seu Filho, quanto mais agora, estando já reconciliados, se­remos­ salvos por sua vida! 
11 Ainda mais: nós nos gloriamos em Deus por nosso Senhor Jesus Cristo. É por ele que, já desde o tempo presente, recebemos a reconciliação.

Palavra do Senhor.


Evangelho (Mateus 9,36-10,8)

Aleluia, aleluia, aleluia.
O reino do céu está perto! Convertei-vos, irmãos, é preciso! Crede todos no evangelho! (Mc 1,15)

Proclamação do evangelho de Jesus Cristo segundo Mateus.
Naquele tempo, 9 36 ao ver as multidões, Jesus encheu-se de compaixão por elas, porque estavam cansadas e abatidas, como ovelhas que não têm pastor. Então disse aos discípulos: 37 “A colheita é grande, mas os trabalhadores são poucos. 38 Pedi, pois, ao Senhor da colheita que envie trabalhadores para sua colheita!”
10 1 Chamando os doze discípulos, Jesus deu-lhes poder para expulsar os espíritos impuros e curar todo tipo de doença e de enfermidade.
2 Estes são os nomes dos doze apóstolos: primeiro, Simão, chamado Pedro, e depois André, seu irmão; Tiago, filho de Zebedeu, e seu irmão João; 3 Filipe e Bartolomeu; To­mé e Mateus, o publicano; Tiago, filho de Al­feu, e Tadeu; 4 Simão, o cananeu, e Judas Iscariotes, que foi o traidor de Jesus.
5 Jesus enviou esses doze, com as seguintes­ recomendações: “Não deveis ir aos territó­rios dos pagãos, nem entrar nas cidades dos samaritanos! 6 Ide, antes, às ovelhas perdidas­ da casa de Israel! 7 No vosso caminho, pro­clamai: ‘O Reino dos Céus está próximo’. 8 Cu­rai doentes, ressuscitai mortos, puri­ficai leprosos, expulsai demônios. De graça re­ce­bestes, de graça deveis dar!

Palavra da Salvação.


Oração

Pai, toma-me como teu servidor e transforma-me em colaborador de tua obra em favor de humanidade sedenta de salvação.


Sobre as Oferendas

Ó Deus, que pelo pão e vinho alimentais a vida dos seres humanos e os renovais pelo sacramento, fazei que jamais falte este sustento ao nosso corpo e à nossa alma. Por Cristo, nosso Senhor.


Antífona da Comunhão

Pai santo, guarda no teu nome os que me deste, para que sejam um como nós, diz o Senhor (Jo 17,11).


Depois da Comunhão

Ó Deus, esta comunhão na eucaristia prefigura a união dos fiéis em vosso amor; fazei que realize também a comunhão na vossa Igreja. Por Cristo, nosso Senhor.



Curta e Compartilhe:

Comments