Novenas‎ > ‎

Novena ao Preciosíssimo Sangue de Jesus Cristo

 
 
Pascom
Pascom
 Youtube
Paróquia
https://www.facebook.com/terco.d.homens
Terço dos
Homens
Google+
Paróquia 

Pascom 
Pinterest
Paróquia
Terço dos Homens
Terço dos
Homens 
   

Curta Nosso Site.

LogoparoquiaParóquia
São Pedro e São Paulo
Atendimento, Missa, Avisos e Agenda Paroquial.


    Veja aqui.

Calendário Liturgíco
Calendário Paroquial
Comunidades
Orações Eucarística
Padroeiros
Pastorais
São Vicente e 
Santa Luísa
































































































INICIAL ORAÇÕES  PALAVRA DO PASTOR



Novena ao Preciosíssimo Sangue de Jesus Cristo

Quero convidar você e sua família para Rezarmos a Novena do Preciosíssimo Sangue de Nosso Senhor Jesus Cristo, para fazermos uma Cruzada de oração pela cura e libertação de nossas famílias, que são assoladas pelo alcoolismo, pelas drogas, problemas financeiros e doenças físicas e espirituais. Serão nove dias de intercessão, meditando na Palavra e rezando sobre essa preciosa devoção. Você acompanhará aqui no Site do Terço dos Homens de São Pedro e São Paulo, a postagem da Novena, para que cresçamos na consciência de como nós fomos resgatados pelo Sangue de Cristo:
“ Porque vós sabeis que não é por bens perecíveis, como a prata e o ouro, que tendes sido resgatados da vossa vã maneira de viver, recebida por tradição de vossos pais, mas pelo precioso sangue de Cristo, o Cordeiro imaculado e sem defeito algum, aquele que foi predestinado antes da criação do mundo e que nos últimos tempos foi manifestado por amor de vós”. (cf. 1Pd 1,18-20)


Minha benção fraterna.
Padre Luizinho.

Fonte:
blog.cancaonova.com/padreluizinho/


MENU

1º Dia 2º Dia 3º Dia
4º dia 5º Dia 6º dia
7º dia 8º dia 9º dia



Novena do Preciosíssimo Sangue de Cristo
 

1º Dia - Sangue de Cristo prefigurado na Antiga Aliança.

 

Oração Inicial:

Pai de misericórdia vos suplicamos pelo Sangue derramado por vosso Filho, que perdoeis os nossos pecados e nos concedeis, se for de vossa vontade a graça que necessitamos (pede-se a graça que deseja receber).
Senhor Jesus Cristo que descestes de junto do pai à terra, e derramastes vosso sangue precioso em remissão dos nossos pecados, humildemente vos suplicamos que no dia do juízo mereçamos à vossa direita ouvir: “vinde benditos de meu Pai”. Vós que viveis e reinais para sempre. Amém

Rezar o Pai Nosso / Ave Maria / Glória ao Pai.

Leitura bíblica:

Irmãos nem mesmo o primeiro testamento foi inaugurado sem uma efusão de sangue. Moisés, ao concluir a proclamação de todos os mandamentos da lei, em presença de todo o povo reunido, tomou o sangue dos touros e dos cabritos imolados, bem como água, lã escarlate e hissopo, aspergiu com sangue não só o próprio livro, como também todo o povo, dizendo: Este é o sangue da aliança que Deus contraiu convosco 

(Ex 24,8). E da mesma maneira aspergiu o tabernáculo e todos os objetos do culto. Aliás, conforme a lei, o sangue é utilizado, para quase todas as purificações, e sem efusão de sangue não há perdão. Se os meros símbolos das realidades celestes exigiam uma tal purificação, necessário se tornava que as realidades mesmo fossem purificadas por sacrifícios ainda superiores.(cf. Hebreus 9,18-23)

Leitura espiritual: 

Quereis conhecer o poder do sangue de Cristo? Voltemos às figuras que o profetizaram e recordemos a narrativa do Antigo testamento: Imolai, disse Moisés, um cordeiro de um ano e marcai as portas com seu sangue (cf. Ex 12,6-7). Que dizeis Moisés? 
O sangue de um cordeiro tem poder para libertar o homem dotado de razão? É claro que não, responde ele, não porque é sangue, mas porque é figura do sangue do senhor. Mas, se agora, ao invés do sangue simbólico aspergido nas portas, o inimigo vir brilhar nos lábios dos fiéis, portas do templo dedicadas a Cristo, o sangue verdadeiro, fugirá ainda mais para longe. (Catequeses de são João Crióstomo).

Oração Final para todos os dias da novena:
O Sangue do Cordeiro servirá de sinal para vós, diz o Senhor. Ao ver o sangue, passarei adiante e não vos atingirá a praga exterminadora.
V. Portanto, vos pedimos: salvai os vossos servos,
R. Que vós, Senhor, remistes com Sangue precioso.

Oração: 

Lembrai-vos, Senhor Deus, de vossa aliança, consagração pelo Sangue do Cordeiro imaculado, para que o vosso povo obtenha o perdão dos pecados e avance continuamente no caminho da salvação. Por Cristo Senhor Nosso. Amém. (Oração de Laudes, 4° Feira, IV semana, Tempo Comum).

Consagração Ao Preciosíssimo Sangue de Jesus.

Consagração ao Sagrado Coração de Jesus
Eu,… Vos dou e consagro, ó Sagrado Coração de Jesus, minha pessoa e minha vida, minhas ações, penas e sofrimentos, para não querer mais servir-me de nenhuma parte do meu ser senão para Vos honrar, amar e glorificar.
É esta a minha vontade irrevogável: ser todo Vosso e tudo fazer por Vosso amor, renunciando de todo o meu coração a tudo quanto Vos possa desagradar.
Tomo-Vos, pois, ó Sagrado Coração, por único bem de meu amor, protetor de minha vida, segurança de minha salvação, remédio de minha fragilidade e de minha inconsciência, reparador de todas as imperfeições de minha vida e meu asilo seguro na hora da morte.
Sede, ó Coração de bondade, minha justificação diante de Deus, Vosso Pai, para que desvie de mim sua justa cólera. Ó Coração de amor! Deposito toda a minha confiança em Vós, pois tudo temo de minha malícia e de minha fraqueza, mas tudo espero de Vossa bondade!
Extingui em mim tudo o que possa desagradar-Vos ou oponha-se à Vossa vontade. Seja o Vosso puro amor tão profundamente impresso em meu coração, que jamais possa eu esquecer-Vos, nem separar-me de Vós. Suplico por todas as Vossas finezas que meu nome seja escrito em Vosso Coração, pois quero fazer consistir toda a minha felicidade e toda a minha glória em viver e morrer como Vosso escravo. Amém.

Topo



2º Dia - Sangue de Cristo, derramado pela primeira vez na circuncisão.

 
Oração Inicial:
Pai de misericórdia vos suplicamos pelo Sangue derramado por vosso Filho, que perdoeis os nossos pecados e nos concedeis, se for de vossa vontade a graça que necessitamos (pede-se a graça que deseja receber).
Senhor Jesus Cristo que descestes de junto do pai à terra, e derramastes vosso sangue precioso em remissão dos nossos pecados, humildemente vos suplicamos que no dia do juízo mereçamos à vossa direita ouvir: “vinde benditos de meu Pai”. Vós que viveis e reinais para sempre. Amém

Rezar o Pai Nosso / Ave Maria / Glória ao Pai.

Leitura Bíblica: 
“No oitavo dia do nascimento, para ser circuncidado o menino, foi-lhe posto o nome de Jesus, como lhe tinha chamado o anjo, antes de ser concebido no seio materno”. (cf. Lucas 2,21).

Leitura Espiritual:
O que aqui pondera e sente muito a piedade dos santos, principalmente São Bernardo, é que nascido de oito dias, sujeitasse o Senhor, aquele corpozinho tenro, ao duro golpe da circuncisão. Tão depressa? Aos oito dias já derramando sangue? (Padre Antônio Vieira, Sermão de Bons Anos, Obras Completas I).

Oração Final:

O Sangue do Cordeiro servirá de sinal para vós, diz o Senhor. Ao ver o sangue, passarei adiante e não vos atingirá a praga exterminadora.
V. Portanto, vos pedimos: salvai os vossos servos,
R. Que vós, Senhor, remistes com Sangue precioso.

Oração: 

Lembrai-vos, Senhor Deus, de vossa aliança, consagração pelo Sangue do Cordeiro imaculado, para que o vosso povo obtenha o perdão dos pecados e avance continuamente no caminho da salvação. Por Cristo Senhor Nosso. Amém.
(Oração de Laudes, 4° Feira, IV semana, Tempo Comum).


Rezemos:
A Ladainha Ao Preciosíssimo Sangue de Jesus Cristo.
Senhor tende piedade de nós.
Jesus Cristo tende piedade de nós.
Senhor tende piedade de nós.
Jesus Cristo ouvi-nos.
Jesus Cristo atendei-nos.
Pai Celeste que sois Deus tende piedade de nós.
Filho Redentor do mundo que sois Deus, tende piedade de nós.
Espírito Santo, que sois Deus, tende piedade de nós.
Santíssima Trindade, que sois um só Deus, tende piedade de nós.
Sangue de Cristo, Sangue do Filho Unigênito do Eterno Pai, salvai-nos.
Sangue de Cristo, Sangue do Verbo de Deus encarnado, salvai-nos.
Sangue de Cristo, Sangue do Novo e Eterno Testamento, salvai-nos.
Sangue de Cristo, correndo pela terra na agonia, salvai-nos.
Sangue de Cristo, manando abundante na flagelação, salvai-nos.
Sangue de Cristo, gotejando na coroação de espinhos, salvai-nos.
Sangue de Cristo, derramado na cruz, salvai-nos.
Sangue de Cristo, preço da nossa salvação, salvai-nos.
Sangue de Cristo, sem o qual não pode haver redenção, salvai-nos.
Sangue de Cristo, que apagais a sede das almas e as purificais na Eucaristia, salvai-nos.
Sangue de Cristo, torrente de misericórdia, salvai-nos.
Sangue de Cristo, vencedor dos demônios, salvai-nos.
Sangue de Cristo, fortaleza dos mártires, salvai-nos.
Sangue de Cristo, virtude dos confessores, salvai-nos.
Sangue de Cristo, que suscitais almas virgens, salvai-nos.
Sangue de Cristo, força dos tentados, salvai-nos.
Sangue de Cristo, alívio dos que trabalham, salvai-nos.
Sangue de Cristo, consolação dos que choram, salvai-nos.
Sangue de Cristo, esperança dos penitentes, salvai-nos.
Sangue de Cristo, conforto dos moribundos, salvai-nos.
Sangue de Cristo, paz e doçura dos corações, salvai-nos.
Sangue de Cristo, penhor de eterna vida, salvai-nos.
Sangue de Cristo, que libertais as almas do Purgatório, salvai-nos.
Sangue de Cristo, digno de toda a honra e glória, salvai-nos. 
Cordeiro de Deus, que tirais os pecados do mundo, perdoai-nos, Senhor.
Cordeiro de Deus, que tirais os pecados do mundo, ouvi-nos, Senhor.
Cordeiro de Deus, que tirais os pecados do mundo, tende piedade de nós, Senhor.





3º Dia - Sangue de Cristo, recebido pelos fieis na Eucaristia.

 
Oração Inicial:

Pai de misericórdia vos suplicamos pelo Sangue derramado por vosso Filho, que perdoeis os nossos pecados e nos concedeis, se for de vossa vontade a graça que necessitamos (pede-se a graça que deseja receber).
Senhor Jesus Cristo que descestes de junto do pai à terra, e derramastes vosso sangue precioso em remissão dos nossos pecados, humildemente vos suplicamos que no dia do juízo mereçamos à vossa direita ouvir: “vinde benditos de meu Pai”. Vós que viveis e reinais para sempre. Amém

Rezar o Pai Nosso / Ave Maria / Glória ao Pai.

Leitura Bíblica:

Jesus disse: “Em verdade, em verdade, vos digo: se não comerdes a carne do Filho do Homem e não beberdes o sangue, não tereis a vida em vós. Quem consome a minha carne e bebe o meu sangue tem a vida eterna, e eu ressuscitarei no ultimo dia. Pois minha carne é verdadeira comida e meu sangue é verdadeira bebida. Quem consome a minha carne e bebe o meu sangue permanece em mim, e eu nele. Como o Pai, que vive me enviou, e eu vivo por meio do Pai, assim aquele que me consome viverá por meio de mim”. (cf. João 6,53-57).

Leitura Espiritual: 

“Cristo deu sua vida por nós. Portanto, também nós devemos dar a vida pelos irmãos” (1João 3,16). É certamente a mesma coisa que se lê nos Provérbios de Salomão: “Quando te sentares à mesa de um poderoso, observa com atenção o que te é oferecido; e estende a tua mão, sabendo que também deves preparar coisa semelhante”. (Provérbios 23,1-2). Ora, a mesa do poderoso é a mesa que se recebe o corpo e o sangue daquele que deu a sua vida por nós. Sentar-se à mesa significa aproximar-se com humildade. Olhar com atenção o que é oferecido é tomar consciência da grandeza desta graça. E estender a mão, sabendo que também se devem preparar coisas semelhantes, significa o que já se disse antes: assim como Cristo deu a sua vida por nós, também nós devemos dar a vida pelos irmãos. É o que diz o apóstolo Pedro: Cristo sofreu por nós, deixando-nos um exemplo, a fim de que sigamos os seus passos (cf. 1Pedro 2,21). Isto significa preparar coisas semelhantes. Foi o que fizeram, com ardente amor, os santos mártires. Se não quisermos celebrar inutilmente as suas memórias e nos sentarmos sem proveito à mesa do Senhor, no banquete onde eles se saciaram, é preciso que, como eles, preparemos coisas semelhantes. Amemo-nos também nós uns aos outros, como Cristo nos amou e se entregou por nós (Tratado de Santo Agostinho sobre o Evangelho de São João 84,1-2; Legionário Monástico II, edições Lumem Christi, Rio de Janeiro, 1999, p. 476).

Oração Final:

O Sangue do Cordeiro servirá de sinal para vós, diz o Senhor. Ao ver o sangue, passarei adiante e não vos atingirá a praga exterminadora.
V. Portanto, vos pedimos: salvai os vossos servos,
R. Que vós, Senhor, remistes com Sangue precioso.

Oração:

Lembrai-vos, Senhor Deus, de vossa aliança, consagração pelo Sangue do Cordeiro imaculado, para que o vosso povo obtenha o perdão dos pecados e avance continuamente no caminho da salvação. Por Cristo Senhor Nosso. Amém. (Oração de Laudes, 4° Feira, IV semana, Tempo Comum).

Reze A Consagração ao Preciosíssimo Sangue de Jesus
Consagração ao Sagrado Coração de Jesus
Eu,… Vos dou e consagro, ó Sagrado Coração de Jesus, minha pessoa e minha vida, minhas ações, penas e sofrimentos, para não querer mais servir-me de nenhuma parte do meu ser senão para Vos honrar, amar e glorificar.
É esta a minha vontade irrevogável: ser todo Vosso e tudo fazer por Vosso amor, renunciando de todo o meu coração a tudo quanto Vos possa desagradar.
Tomo-Vos, pois, ó Sagrado Coração, por único bem de meu amor, protetor de minha vida, segurança de minha salvação, remédio de minha fragilidade e de minha inconsciência, reparador de todas as imperfeições de minha vida e meu asilo seguro na hora da morte.
Sede, ó Coração de bondade, minha justificação diante de Deus, Vosso Pai, para que desvie de mim sua justa cólera. Ó Coração de amor! Deposito toda a minha confiança em Vós, pois tudo temo de minha malícia e de minha fraqueza, mas tudo espero de Vossa bondade!

Extingui em mim tudo o que possa desagradar-Vos ou oponha-se à Vossa vontade. Seja o Vosso puro amor tão profundamente impresso em meu coração, que jamais possa eu esquecer-Vos, nem separar-me de Vós. Suplico por todas as Vossas finezas que meu nome seja escrito em Vosso Coração, pois quero fazer consistir toda a minha felicidade e toda a minha glória em viver e morrer como Vosso escravo. Amém.

Topo



4º dia -  
Sangue de Cristo, correndo por terra na agonia.


Oração Inicial:

Pai de misericórdia vos suplicamos pelo Sangue derramado por vosso Filho, que perdoeis os nossos pecados e nos concedeis, se for de vossa vontade a graça que necessitamos (pede-se a graça que deseja receber).

Senhor Jesus Cristo que descestes de junto do pai à terra, e derramastes vosso sangue precioso em remissão dos nossos pecados, humildemente vos suplicamos que no dia do juízo mereçamos à vossa direita ouvir: “vinde benditos de meu Pai”. Vós que viveis e reinais para sempre. Amém

Rezar o Pai Nosso / Ave Maria / Glória ao Pai.

Leitura Bíblica:

“Conforme o seu costume, Jesus saiu dali e dirigiu-se para o monte das Oliveiras, seguido dos seus discípulos. Ao chegar àquele lugar, disse-lhes: Orai para que não caiais em tentação. Depois se afastou deles à distância de um tiro de pedra e, ajoelhando-se, orava: Pai se é de teu agrado, afasta de mim este cálice! Não se faça, todavia, a minha vontade, mas sim a tua. Apareceu-lhe então um anjo do céu para confortá-lo. Ele entrou em agonia e orava ainda com mais insistência, e seu suor tornou-se como gotas de sangue a escorrer pela terra. Depois de ter rezado, levantou-se, foi ter com os discípulos e achou-os adormecidos de tristeza. Disse-lhes: Por que dormis? Levantai-vos, orai, para não cairdes em tentação”. (cf. Lucas 22,39-46).


Leitura Espiritual:

No Horto das Oliveiras, Jesus enfrenta sua maior provação, estando cheio de pavor e angustia, em meio a uma tristeza mortal (Mc 14,36), em agonia, com o suor tornado como gotas de sangue que caíam no chão (Lc 22,44). Lá, pediu a Deus: “Abba Pai! Tudo é possível para ti. Afasta de mim este cálice!” (Mc 14,36). Como Jesus venceu essa provação? O autor da carta aos Hebreus, referindo-se à oração de Cristo no Horto, afirma que Ele “dirigiu preces e súplicas, com forte clamor e lágrimas, àquele que tinha poder de salvá-lo da morte. E foi atendido, por causa de sua piedade”. (Hb 5,7-8). Essa “piedade” ou “submissão” expressa a inteira confiança de Cristo em Deus, seu pai, assim como sua total disposição de obediência, sua fidelidade: “seja feito não o que eu quero, porém o que tu queres” (Mc 14,36).

Depois de meditar e rezar clique em Comentários e deixe os seus pedidos de orações.

Oração Final:

O Sangue do Cordeiro servirá de sinal para vós, diz o Senhor. Ao ver o sangue, passarei adiante e não vos atingirá a praga exterminadora.

V. Portanto, vos pedimos: salvai os vossos servos,
R. Que vós, Senhor, remistes com Sangue precioso.

Oração:

Lembrai-vos, Senhor Deus, de vossa aliança, consagração pelo Sangue do Cordeiro imaculado, para que o vosso povo obtenha o perdão dos pecados e avance continuamente no caminho da salvação. Por Cristo Senhor Nosso. Amém.(Oração de Laudes, 4° Feira, IV semana, Tempo Comum).


Reze a Ladainha do Preciosíssimo Sangue de Jesus.

Senhor tende piedade de nós.
Jesus Cristo tende piedade de nós.
Senhor tende piedade de nós.
Jesus Cristo ouvi-nos.
Jesus Cristo atendei-nos.
Pai Celeste que sois Deus tende piedade de nós.
Filho Redentor do mundo que sois Deus, tende piedade de nós.
Espírito Santo, que sois Deus, tende piedade de nós.
Santíssima Trindade, que sois um só Deus, tende piedade de nós.
Sangue de Cristo, Sangue do Filho Unigênito do Eterno Pai, salvai-nos.
Sangue de Cristo, Sangue do Verbo de Deus encarnado, salvai-nos.
Sangue de Cristo, Sangue do Novo e Eterno Testamento, salvai-nos.
Sangue de Cristo, correndo pela terra na agonia, salvai-nos.
Sangue de Cristo, manando abundante na flagelação, salvai-nos.
Sangue de Cristo, gotejando na coroação de espinhos, salvai-nos.
Sangue de Cristo, derramado na cruz, salvai-nos.
Sangue de Cristo, preço da nossa salvação, salvai-nos.
Sangue de Cristo, sem o qual não pode haver redenção, salvai-nos.
Sangue de Cristo, que apagais a sede das almas e as purificais na Eucaristia, salvai-nos.
Sangue de Cristo, torrente de misericórdia, salvai-nos.
Sangue de Cristo, vencedor dos demônios, salvai-nos.
Sangue de Cristo, fortaleza dos mártires, salvai-nos.
Sangue de Cristo, virtude dos confessores, salvai-nos.
Sangue de Cristo, que suscitais almas virgens, salvai-nos.
Sangue de Cristo, força dos tentados, salvai-nos.
Sangue de Cristo, alívio dos que trabalham, salvai-nos.
Sangue de Cristo, consolação dos que choram, salvai-nos.
Sangue de Cristo, esperança dos penitentes, salvai-nos.
Sangue de Cristo, conforto dos moribundos, salvai-nos.
Sangue de Cristo, paz e doçura dos corações, salvai-nos.
Sangue de Cristo, penhor de eterna vida, salvai-nos.
Sangue de Cristo, que libertais as almas do Purgatório, salvai-nos.
Sangue de Cristo, digno de toda a honra e glória, salvai-nos. 
Cordeiro de Deus, que tirais os pecados do mundo, perdoai-nos, Senhor.
Cordeiro de Deus, que tirais os pecados do mundo, ouvi-nos, Senhor.
Cordeiro de Deus, que tirais os pecados do mundo, tende piedade de nós, Senhor.




5º Dia -  
Sangue de Cristo, manando abundante na flagelação.


Oração Inicial:

Pai de misericórdia vos suplicamos pelo Sangue derramado por vosso Filho, que perdoeis os nossos pecados e nos concedeis, se for de vossa vontade a graça que necessitamos (pede-se a graça que deseja receber).

Senhor Jesus Cristo que descestes de junto do pai à terra, e derramastes vosso sangue precioso em remissão dos nossos pecados, humildemente vos suplicamos que no dia do juízo mereçamos à vossa direita ouvir: “vinde benditos de meu Pai”. Vós que viveis e reinais para sempre. Amém

Rezar o Pai Nosso / Ave Maria / Glória ao Pai.

Leitura Bíblica:

Pilatos, então mandou açoitar Jesus. (João 19,1) O Senhor Deus abriu-me os ouvidos, e eu não fiquei revoltado, para trás eu não andei. Apresentei as costas aos que me queriam bater, oferecei o queijo aos que me queriam arrancar a barba e nem escondi o rosto dos insultos e dos escarros. (Isaías 50,5-6).


Leitura espiritual:

“Cristo foi ferido por causa de nossos pecados quando os descendentes de Israel o cobriram de injurias, e Pilatos o mandou flagelar, enquanto nós éramos libertados das penas e dos suplícios. Antigamente eram muitos os açoites que se infligiam aos pecadores, mas Cristo foi flagelado por nós. Assim como morreu por todos, foi também por todos flagelado, tendo-se colocado sozinho no lugar de todos nós”. (São Cirilo de Alexandria, Livros sobre a adoração em espírito e verdade; Lecionário Monástico II, Edições Lumem Christi, Rio de Janeiro, 1999, p. 180).


Oração Final:

O Sangue do Cordeiro servirá de sinal para vós, diz o Senhor. Ao ver o sangue, passarei adiante e não vos atingirá a praga exterminadora.

V. Portanto, vos pedimos: salvai os vossos servos,
R. Que vós, Senhor, remistes com Sangue precioso.

Oração:

Lembrai-vos, Senhor Deus, de vossa aliança, consagração peço Sangue do Cordeiro imaculado, para que o vosso povo obtenha o perdão dos pecados e avance continuamente no caminho da salvação. Por Cristo Senhor Nosso. Amém.(Oração de Laudes, 4° Feira, IV semana, Tempo Comum).

Rezemos A Consagração Ao Preciosíssimo Sangue de Jesus

Consagração ao Sagrado Coração de Jesus
Eu,… Vos dou e consagro, ó Sagrado Coração de Jesus, minha pessoa e minha vida, minhas ações, penas e sofrimentos, para não querer mais servir-me de nenhuma parte do meu ser senão para Vos honrar, amar e glorificar.
É esta a minha vontade irrevogável: ser todo Vosso e tudo fazer por Vosso amor, renunciando de todo o meu coração a tudo quanto Vos possa desagradar.
Tomo-Vos, pois, ó Sagrado Coração, por único bem de meu amor, protetor de minha vida, segurança de minha salvação, remédio de minha fragilidade e de minha inconsciência, reparador de todas as imperfeições de minha vida e meu asilo seguro na hora da morte.
Sede, ó Coração de bondade, minha justificação diante de Deus, Vosso Pai, para que desvie de mim sua justa cólera. Ó Coração de amor! Deposito toda a minha confiança em Vós, pois tudo temo de minha malícia e de minha fraqueza, mas tudo espero de Vossa bondade!
Extingui em mim tudo o que possa desagradar-Vos ou oponha-se à Vossa vontade. Seja o Vosso puro amor tão profundamente impresso em meu coração, que jamais possa eu esquecer-Vos, nem separar-me de Vós. Suplico por todas as Vossas finezas que meu nome seja escrito em Vosso Coração, pois quero fazer consistir toda a minha felicidade e toda a minha glória em viver e morrer como Vosso escravo. Amém.





6º dia -  
Sangue de Cristo, cotejando na coroação de espinhos.




Oração Inicial:

Pai de misericórdia vos suplicamos pelo Sangue derramado por vosso Filho, que perdoeis os nossos pecados e nos concedeis, se for de vossa vontade a graça que necessitamos (pede-se a graça que deseja receber).

Senhor Jesus Cristo que descestes de junto do pai à terra, e derramastes vosso sangue precioso em remissão dos nossos pecados, humildemente vos suplicamos que no dia do juízo mereçamos à vossa direita ouvir: “vinde benditos de meu Pai”. Vós que viveis e reinais para sempre. Amém

Rezar o Pai Nosso /Ave Maria / Glória ao pai.

Leitura Bíblica:

“Os soldados do governador conduziram Jesus para o pretório e rodearam-no com todo o pelotão. Arrancaram-lhe as vestes e colocaram-lhe um manto escarlate. Depois, trançaram uma coroa de espinhos, meteram-lha na cabeça e puseram-lhe na mão uma vara. Dobrando os joelhos diante dele, diziam com escárnio: Salve, ó rei dos judeus! Cuspiam-lhe no rosto e, tomando da vara, davam-lhe golpes na cabeça”.(Cf. Mateus 27,27-30).


Leitura Espiritual:

Depois os soldados teceram de espinhos uma coroa e puseram-lhe sobre a cabeça (Jo 19,2). Ao cravarem a coroa de espinhos com pauladas, diziam: “Como é rei, não pode ficar sem coroa, esperamos que esta seja de seu agrado”. Escorrendo sangue pelos cabelos, testa, rosto e pescoço, o Senhor inclinou a cabeça para o alto, para que nós que estávamos caídos, pudéssemos nos levantar. Mas vós sois, Senhor, para mim um escudo; vós sois minha glória, vós me levantais a cabeça (Salmo 30,40). Quem poderá reclamar de uma ofensa, quando vemos o quanto o senhor sofreu por nós? (Luis de palma, A Paixão do Senhor, São Paulo, Factash Editora, 2005, p. 125).


Oração Final: 

O Sangue do Cordeiro servirá de sinal para vós, diz o Senhor. Ao ver o sangue, passarei adiante e não vos atingirá a praga exterminadora.

V. Portanto, vos pedimos: salvai os vossos servos, 
R. Que vós, Senhor, remistes com Sangue precioso.

Oração:
Lembrai-vos, Senhor Deus, de vossa aliança, consagração pelo Sangue do Cordeiro imaculado, para que o vosso povo obtenha o perdão dos pecados e avance continuamente no caminho da salvação. Por Cristo Senhor Nosso. Amém.(Oração de Laudes, 4° Feira, IV semana, Tempo Comum).

Clamemos a cura e libertação de todos os problemas que afetam a nossa cabeça, nossa mente, problemas psíquicos e emocionais. Lava Jesus com o Teu Sangue nossa mente e pensamentos.


Rezemos A Ladainha Ao Preciosíssimo Sangue de Jesus Cristo.

Senhor tende piedade de nós.
Jesus Cristo tende piedade de nós.
Senhor tende piedade de nós.
Jesus Cristo ouvi-nos.
Jesus Cristo atendei-nos.
Pai Celeste que sois Deus tende piedade de nós.
Filho Redentor do mundo que sois Deus, tende piedade de nós.
Espírito Santo, que sois Deus, tende piedade de nós.
Santíssima Trindade, que sois um só Deus, tende piedade de nós.
Sangue de Cristo, Sangue do Filho Unigênito do Eterno Pai, salvai-nos.
Sangue de Cristo, Sangue do Verbo de Deus encarnado, salvai-nos.
Sangue de Cristo, Sangue do Novo e Eterno Testamento, salvai-nos.
Sangue de Cristo, correndo pela terra na agonia, salvai-nos.
Sangue de Cristo, manando abundante na flagelação, salvai-nos.
Sangue de Cristo, gotejando na coroação de espinhos, salvai-nos.
Sangue de Cristo, derramado na cruz, salvai-nos.
Sangue de Cristo, preço da nossa salvação, salvai-nos.
Sangue de Cristo, sem o qual não pode haver redenção, salvai-nos.
Sangue de Cristo, que apagais a sede das almas e as purificais na Eucaristia, salvai-nos.
Sangue de Cristo, torrente de misericórdia, salvai-nos.
Sangue de Cristo, vencedor dos demônios, salvai-nos.
Sangue de Cristo, fortaleza dos mártires, salvai-nos.
Sangue de Cristo, virtude dos confessores, salvai-nos.
Sangue de Cristo, que suscitais almas virgens, salvai-nos.
Sangue de Cristo, força dos tentados, salvai-nos.
Sangue de Cristo, alívio dos que trabalham, salvai-nos.
Sangue de Cristo, consolação dos que choram, salvai-nos.
Sangue de Cristo, esperança dos penitentes, salvai-nos.
Sangue de Cristo, conforto dos moribundos, salvai-nos.
Sangue de Cristo, paz e doçura dos corações, salvai-nos.
Sangue de Cristo, penhor de eterna vida, salvai-nos.
Sangue de Cristo, que libertais as almas do Purgatório, salvai-nos.
Sangue de Cristo, digno de toda a honra e glória, salvai-nos. 
Cordeiro de Deus, que tirais os pecados do mundo, perdoai-nos, Senhor.
Cordeiro de Deus, que tirais os pecados do mundo, ouvi-nos, Senhor.
Cordeiro de Deus, que tirais os pecados do mundo, tende piedade de nós, Senhor.





7º dia -  
Sangue de Cristo, marcando o caminho do calvário.


Oração Inicial:

Pai de misericórdia vos suplicamos pelo Sangue derramado por vosso Filho, que perdoeis os nossos pecados e nos concedeis, se for de vossa vontade a graça que necessitamos (pede-se a graça que deseja receber).

Senhor Jesus Cristo que descestes de junto do pai à terra, e derramastes vosso sangue precioso em remissão dos nossos pecados, humildemente vos suplicamos que no dia do juízo mereçamos à vossa direita ouvir: “vinde benditos de meu Pai”. Vós que viveis e reinais para sempre. Amém

Rezar o Pai Nosso / Ave Maria / Gloria ao Pai

Leitura Bíblica:
“Pilatos, então, entregou-o então a eles para que fosse crucificado. Levaram então consigo Jesus. Ele próprio carregava a sua cruz para fora da cidade, em direção ao lugar chamado Calvário, em hebraico Gólgota”. (cf. João 19,16-17).

Leitura Espiritual:

O Senhor, entregue ao arbítrio dos violentos, que zombavam da sua dignidade de Rei, carregava, ele próprio, o instrumento do seu suplicio, para se cumprir o que Isaías predissera: “Nasceu para nós um menino, foi-nos dado um filho; ele trás aos ombros a marca da realeza”. (Isaías 9,5). Quando, pois, o Senhor carregou o lenho da cruz, que transformou em cetro do seu poder, o que foi aos olhos dos ímpios grande zombaria, manifestou aos fiéis um grande Mistério. Porque o invicto vencedor de satanás, o poderoso combatente contra as forças inimigas, transformou gloriosamente o troféu de seu triunfo e trouxe para todos os reinos, em seu ombro de invencível paciência, o adorável sinal da salvação, confirmando por sua própria atitude todos os seus imitadores, aos quais disse: “Quem não toma sua cruz e não me segue, não é digno de mim”. (MT 10,38)(Papa São Leão Magno, Tratado 59 da paixão do Senhor, 4; Lecionário Monástico II, Edições Lumen Christi, Rio de Janeiro, 1999, p. 573).


Oração Final: 

O Sangue do Cordeiro servirá de sinal para vós, diz o Senhor. Ao ver o sangue, passarei adiante e não vos atingirá a praga exterminadora.

V. Portanto, vos pedimos: salvai os vossos servos,
R. Que vós, Senhor, remistes com Sangue precioso.

Oração:

Lembrai-vos, Senhor Deus, de vossa aliança, consagração pelo Sangue do Cordeiro imaculado, para que o vosso povo obtenha o perdão dos pecados e avance continuamente no caminho da salvação. Por Cristo Senhor Nosso. Amém. (Oração de Laudes, 4° Feira, IV semana, Tempo Comum).

Clamemos pelo sangue de Jesus derramado na cruz, para que nos dê a graça da paciência diante de todas as cruzes que carregamos em nossa vida.

Rezemos a Ladainha do Preciosíssimo Sangue de Jesus Cristo.

Senhor tende piedade de nós.
Jesus Cristo tende piedade de nós.
Senhor tende piedade de nós.
Jesus Cristo ouvi-nos.
Jesus Cristo atendei-nos.
Pai Celeste que sois Deus tende piedade de nós.
Filho Redentor do mundo que sois Deus, tende piedade de nós.
Espírito Santo, que sois Deus, tende piedade de nós.
Santíssima Trindade, que sois um só Deus, tende piedade de nós.
Sangue de Cristo, Sangue do Filho Unigênito do Eterno Pai, salvai-nos.
Sangue de Cristo, Sangue do Verbo de Deus encarnado, salvai-nos.
Sangue de Cristo, Sangue do Novo e Eterno Testamento, salvai-nos.
Sangue de Cristo, correndo pela terra na agonia, salvai-nos.
Sangue de Cristo, manando abundante na flagelação, salvai-nos.
Sangue de Cristo, gotejando na coroação de espinhos, salvai-nos.
Sangue de Cristo, derramado na cruz, salvai-nos.
Sangue de Cristo, preço da nossa salvação, salvai-nos.
Sangue de Cristo, sem o qual não pode haver redenção, salvai-nos.
Sangue de Cristo, que apagais a sede das almas e as purificais na Eucaristia, salvai-nos.
Sangue de Cristo, torrente de misericórdia, salvai-nos.
Sangue de Cristo, vencedor dos demônios, salvai-nos.
Sangue de Cristo, fortaleza dos mártires, salvai-nos.
Sangue de Cristo, virtude dos confessores, salvai-nos.
Sangue de Cristo, que suscitais almas virgens, salvai-nos.
Sangue de Cristo, força dos tentados, salvai-nos.
Sangue de Cristo, alívio dos que trabalham, salvai-nos.
Sangue de Cristo, consolação dos que choram, salvai-nos.
Sangue de Cristo, esperança dos penitentes, salvai-nos.
Sangue de Cristo, conforto dos moribundos, salvai-nos.
Sangue de Cristo, paz e doçura dos corações, salvai-nos.
Sangue de Cristo, penhor de eterna vida, salvai-nos.
Sangue de Cristo, que libertais as almas do Purgatório, salvai-nos.
Sangue de Cristo, digno de toda a honra e glória, salvai-nos. 
Cordeiro de Deus, que tirais os pecados do mundo, perdoai-nos, Senhor.
Cordeiro de Deus, que tirais os pecados do mundo, ouvi-nos, Senhor.
Cordeiro de Deus, que tirais os pecados do mundo, tende piedade de nós, Senhor.





8º dia -  
Sangue de Cristo, derramado na Cruz.


Oração Inicial:

Pai de misericórdia vos suplicamos pelo Sangue derramado por vosso Filho, que perdoeis os nossos pecados e nos concedeis, se for de vossa vontade a graça que necessitamos (pede-se a graça que deseja receber).

Senhor Jesus Cristo que descestes de junto do pai à terra, e derramastes vosso sangue precioso em remissão dos nossos pecados, humildemente vos suplicamos que no dia do juízo mereçamos à vossa direita ouvir: “vinde benditos de meu Pai”. Vós que viveis e reinais para sempre. Amém

Rezar o Pai Nosso / Ave Maria / Glória ao Pai.

Leitura Bíblica:
Quando chegaram ao lugar chamado Calvário, ali o crucificaram, como também os ladrões, um à direita e outro à esquerda. E Jesus dizia: “Pai, perdoa-lhes; porque não sabem o que fazem. Eles dividiram as suas vestes e as sortearam”. (cf. Lucas 23,33-34).

Leitura Espiritual:

Os que derramaram o sangue de Cristo não o fizeram com a intenção de tirar os pecados do mundo. No que lhes concerne, eles causaram mais sua perda que nossa salvação, mas sua condenação que nossa salvação. Contudo, inconscientemente eles prestaram serviço ao plano divino da salvação. A salvação do mundo, que se seguiu, veio do poder, da vontade, da intenção, do ato de Deu. Na efusão do sangue de Cristo, com efeito, não estava em ação apenas o ódio dos perseguidores, mas também o amor do salvador. O ódio realizou a obra do ódio; o amor, sua obra de amor. Não foi o ódio, mas o amor que realizou a obra da salvação. O ódio, no entanto, derramou o sangue de Cristo e derramou-se a si próprio para que o homem soubesse quanto Deus o amava, ele que não poupou seu próprio Filho (Rm 8,32). De fato, Deus amou o mundo a tal ponto que deu o seu Filho único. Esse Filho único foi oferecido porque ele mesmo quis (Isaías 53,7) e, tendo amado os seus, amou-os até o fim (Jo 13,1). (Balduíno de Cantuária, Tratado sobre o Sacramento do Altar, II, 1; Lecionário Monástico II, Edições Lúmen Christi, Rio de Janeiro, 1999, p.588).


Oração Final:

O Sangue do Cordeiro servirá de sinal para vós, diz o Senhor. Ao ver o sangue, passarei adiante e não vos atingirá a praga exterminadora.

V. Portanto, vos pedimos: salvai os vossos servos,
R. Que vós, Senhor, remistes com Sangue precioso.

Oração:

Lembrai-vos, Senhor Deus, de vossa aliança, consagração pelo Sangue do Cordeiro imaculado, para que o vosso povo obtenha o perdão dos pecados e avance continuamente no caminho da salvação. Por Cristo Senhor Nosso. Amém.(Oração de Laudes, 4° Feira, IV semana, Tempo Comum).


Cantemos essa canção da comunidade Recado e clamemos o sangue de Jesus aos pés da Cruz:

Ponho-me aos pés da tua cruz, desejo ser lavado com teu sangue.

E ver sair das tuas chagas sangue redentor, tocar as minhas dores e curar-me.
Teu Sangue cura Senhor, teu sangue cura com amor, Teu Sangue tem poder para curar-me. (bis) 

Rezemos A Ladainha Ao Preciosíssimo Sangue de Jesus Cristo.

Senhor tende piedade de nós.
Jesus Cristo tende piedade de nós.
Senhor tende piedade de nós.
Jesus Cristo ouvi-nos.
Jesus Cristo atendei-nos.
Pai Celeste que sois Deus tende piedade de nós.
Filho Redentor do mundo que sois Deus, tende piedade de nós.
Espírito Santo, que sois Deus, tende piedade de nós.
Santíssima Trindade, que sois um só Deus, tende piedade de nós.
Sangue de Cristo, Sangue do Filho Unigênito do Eterno Pai, salvai-nos.
Sangue de Cristo, Sangue do Verbo de Deus encarnado, salvai-nos.
Sangue de Cristo, Sangue do Novo e Eterno Testamento, salvai-nos.
Sangue de Cristo, correndo pela terra na agonia, salvai-nos.
Sangue de Cristo, manando abundante na flagelação, salvai-nos.
Sangue de Cristo, gotejando na coroação de espinhos, salvai-nos.
Sangue de Cristo, derramado na cruz, salvai-nos.
Sangue de Cristo, preço da nossa salvação, salvai-nos.
Sangue de Cristo, sem o qual não pode haver redenção, salvai-nos.
Sangue de Cristo, que apagais a sede das almas e as purificais na Eucaristia, salvai-nos.
Sangue de Cristo, torrente de misericórdia, salvai-nos.
Sangue de Cristo, vencedor dos demônios, salvai-nos.
Sangue de Cristo, fortaleza dos mártires, salvai-nos.
Sangue de Cristo, virtude dos confessores, salvai-nos.
Sangue de Cristo, que suscitais almas virgens, salvai-nos.
Sangue de Cristo, força dos tentados, salvai-nos.
Sangue de Cristo, alívio dos que trabalham, salvai-nos.
Sangue de Cristo, consolação dos que choram, salvai-nos.
Sangue de Cristo, esperança dos penitentes, salvai-nos.
Sangue de Cristo, conforto dos moribundos, salvai-nos.
Sangue de Cristo, paz e doçura dos corações, salvai-nos.
Sangue de Cristo, penhor de eterna vida, salvai-nos.
Sangue de Cristo, que libertais as almas do Purgatório, salvai-nos.
Sangue de Cristo, digno de toda a honra e glória, salvai-nos. 
Cordeiro de Deus, que tirais os pecados do mundo, perdoai-nos, Senhor.
Cordeiro de Deus, que tirais os pecados do mundo, ouvi-nos, Senhor.
Cordeiro de Deus, que tirais os pecados do mundo, tende piedade de nós, Senhor.




 

9º dia -  
Sangue de Cristo, vertendo do lado aberto na cruz.


Oração Inicial:

Pai de misericórdia vos suplicamos pelo Sangue derramado por vosso Filho, que perdoeis os nossos pecados e nos concedeis, se for de vossa vontade a graça que necessitamos (pede-se a graça que deseja receber).

Senhor Jesus Cristo que descestes de junto do pai à terra, e derramastes vosso sangue precioso em remissão dos nossos pecados, humildemente vos suplicamos que no dia do juízo mereçamos à vossa direita ouvir: “vinde benditos de meu Pai”. Vós que viveis e reinais para sempre. Amém

Rezar o Pai Nosso / Ave Maria / Glória ao Pai.

Leitura Bíblica:

Os judeus temeram que os corpos ficassem na cruz durante o sábado, porque já era a Preparação e esse sábado era particularmente solene. Rogaram a Pilatos que se lhes quebrassem as pernas e fossem retirados. Vieram os soldados e quebraram as pernas do primeiro e do outro, que com ele foram crucificados. Chegando, porém, a Jesus, como o vissem já morto, não lhe quebraram as pernas, mas um dos soldados abriu-lhe o lado com uma lança e, imediatamente, saiu sangue e água. O que foi testemunha desse fato o atesta (e o seu testemunho é digno de fé, e ele sabe que diz a verdade), a fim de que vós creiais. (cf. João 19,31-35).


Leitura espiritual:

Queres compreender mais profundamente o poder desse sangue? Repara de onde começou a correr e de que fonte brotou. Começou a brotar da própria cruz, e a sua origem foi o lado do senhor. Estando Jesus já morto e ainda pregado à cruz, diz o evangelista, um soldado aproximou-se, feriu-lhe o lado com uma lança, e imediatamente saiu água e sangue: a água, como símbolo do Batismo; o sangue como símbolo da Eucaristia. O soldado, traspassando-lhe o lado, abriu uma brecha na parede do templo santo, e eu, encontrando enorme tesouro, alegro-me por ter achado riquezas extraordinárias. Assim aconteceu com esse cordeiro. Os Judeus mataram um cordeiro e eu recebi o fruto do sacrifício.(Catequeses de São João Crisóstomo 3,13-19; Liturgia das Horas II, 416).


Oração Final: 

O Sangue do Cordeiro servirá de sinal para vós, diz o Senhor. Ao ver o sangue, passarei adiante e não vos atingirá a praga exterminadora.
V. Portanto, vos pedimos: salvai os vossos servos,
R. Que vós, Senhor, remistes com Sangue precioso.

Oração:
Lembrai-vos, Senhor Deus, de vossa aliança, consagração pelo Sangue do Cordeiro imaculado, para que o vosso povo obtenha o perdão dos pecados e avance continuamente no caminho da salvação. Por Cristo Senhor Nosso. Amém.(Oração de Laudes, 4° Feira, IV semana, Tempo Comum).

Reze A Consagração ao Preciosíssimo Sangue de Jesus Cristo.
Consagração ao Sagrado Coração de Jesus
Eu,… Vos dou e consagro, ó Sagrado Coração de Jesus, minha pessoa e minha vida, minhas ações, penas e sofrimentos, para não querer mais servir-me de nenhuma parte do meu ser senão para Vos honrar, amar e glorificar.
É esta a minha vontade irrevogável: ser todo Vosso e tudo fazer por Vosso amor, renunciando de todo o meu coração a tudo quanto Vos possa desagradar.
Tomo-Vos, pois, ó Sagrado Coração, por único bem de meu amor, protetor de minha vida, segurança de minha salvação, remédio de minha fragilidade e de minha inconsciência, reparador de todas as imperfeições de minha vida e meu asilo seguro na hora da morte.
Sede, ó Coração de bondade, minha justificação diante de Deus, Vosso Pai, para que desvie de mim sua justa cólera. Ó Coração de amor! Deposito toda a minha confiança em Vós, pois tudo temo de minha malícia e de minha fraqueza, mas tudo espero de Vossa bondade!
Extingui em mim tudo o que possa desagradar-Vos ou oponha-se à Vossa vontade. Seja o Vosso puro amor tão profundamente impresso em meu coração, que jamais possa eu esquecer-Vos, nem separar-me de Vós. Suplico por todas as Vossas finezas que meu nome seja escrito em Vosso Coração, pois quero fazer consistir toda a minha felicidade e toda a minha glória em viver e morrer como Vosso escravo. Amém. 

Topo
 

                              


      

Comments